Mais energia solar e eólica na matriz brasileira - SustentArqui

Rio de Janeiro 14/11/2015 | 11:52 - Por: Redação Sustentarqui

Mais energia solar e eólica na matriz brasileira

energia solar e eólica na matriz brasileira

Parque eólico de Acarati, no Ceará e Usina Fotovoltaica Cidade Azul,SC

Mais energia solar e eólica  – A passos lentos, o Brasil ruma à expansão da energia limpa. Recente leilão de renováveis traz 1,4 GW para a matriz energética.

Aconteceu nesta sexta-feira (13/11) mais um leilão de energia e dessa vez, focado nas fontes renováveis solar e eólica. A contratação total foi de 1,4 GW. Disso, 929,34 MW são de projetos fotovoltaicos, contratados a um preço médio de R$297,75. Somado ao que foi vendido no último leilão exclusivo para a fonte, em agosto, ultrapassou-se a marca dos 1,7 GW – metade da contratação de energia renovável de 2015.

Esses projetos serão essenciais para suprir a futura demanda de eletricidade, principalmente durante o verão, quando ela é maior. Mesmo que a passos lentos, parece que o Brasil está no caminho certo para a expansão da energia solar e para o desenvolvimento de uma indústria nacional da fonte.

Para continuar nessa direção, contudo, é preciso que o Governo conceda mais incentivos, tanto para a forma centralizada, quanto na forma descentralizada das fontes fotovoltaicas. Afinal, o maior potencial para desenvolver a energia solar está bem em nossos telhados, mas segue despercebido pelo Governo Federal.

Já a energia dos ventos saiu do leilão com 498,2 MW contratados a um preço médio de 204,66 R$/MWh. Foram 18 projetos, sendo 16 deles na Bahia. Os outros dois estão no Maranhão e no Rio Grande do Norte. A fonte fechará o ano de 2015 com a contratação de 40 projetos. Isso soma 1,12 GW de energia.

A indústria eólica segue em expansão no Brasil e as perspectivas no médio e longo prazo são muito otimistas. No entanto, desde os últimos leilões, os projetos de energia dos ventos estão enfrentado dificuldades por conta de uma alteração na regra de contratação. A nova norma obriga que os projetos eólicos garantam o acesso às linhas de transmissão – hoje um gargalo no país. O Governo precisa ajustar esse problema o quanto antes. Assim, a energia eólica poderá se expandir em ritmo mais acelerado.

Dois mil e quinze é o ano em que nações do mundo todo irão fechar um novo acordo climático e o Brasil já se comprometeu com uma meta de redução de emissões. É também o momento em que o país ainda enfrenta as consequências de um forte crise hídrica e do setor elétrico. As fontes solar e eólica são essenciais para ajudar o governo brasileiro a cumprir bem seu papel de casa – gerar energia para a sociedade com menos impacto ambiental. Isso porque são complementares às hidrelétricas e ainda auxiliam a reduzir as emissões dos gases de efeito estufa. Mas, para tudo isso, o Governo precisa colaborar e garantir uma maior contratação dessas fontes nos próximos anos.

Que novos leilões de renováveis venham em 2016!

 

Fonte: Greenpeace

, , ,

Comments

iptu amarelo SALVADOR

IPTU Amarelo: Salvador dará desconto à casas com energia solar

Após o IPTU Verde, prefeitura de Salvador lança o programa IPTU Amarelo, que concede desconto de 10% no valor pago ...
bandeira vermelha energia solar

Bandeira vermelha: é hora de gerar sua própria energia!

O mais recente anúncio da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), publicado no dia 24 de outubro de 2017, foi ...
Painéis solares giratórios são destaque na nova obra de Shigeru Ban

Painéis solares giratórios são destaque na nova obra de Shigeru Ban

O premiado arquiteto Shigeru Ban projetou um complexo de música, perto de Paris, em forma de ovo e uma fachada ...

Produtos Sustentáveis mais procurados

Tanque Coletor de Água de Chuva ( Cisterna Aparente )

Tanques para captação de água de chuva.

Ecofossa- sistema ecológico de tratamento de esgoto

Ecofossa é um sistema ecológico de tratamento de esgoto que maximiza ações de bactérias e não utiliza energia ...

Notícias mais acessadas

dicas para reaproveitar pallets

Dez dicas para reutilizar paletes de madeira

Afinal, o que é um pallet ou palete? Para que serve? A palavra pallet é de origem inglesa, e em português se ...
vantagens telhados verdes

Vantagens e desvantagens de um telhado verde. Veja exemplos.

Telhado verde, terraço jardim, cobertura vegetal, ecotelhado, telhado ecológico, são vários nomes para esse sistema ...