Marcelo Rosenbaum resgata recursos regionais em escola do Tocantins - SustentArqui

Rio de Janeiro 30/08/2017 | 19:46 - Por: Cristiane Nunes

Marcelo Rosenbaum resgata recursos regionais em escola do Tocantins

Marcelo Rosenbaum

Marcelo Rosenbaum e o escritório curitibano Aleph Zero foram os responsáveis em desenvolver o projeto arquitetônico do modelo de moradia da escola Canuanã. Localizada na zona rural de Formoso de Araguaia, no Tocantins, tem o apoio da Fundação Bradesco, que mantém a instituição há quase 40 anos.

Indicado à Fundação devido à repercussão do A Gente Transforma, Marcelo Rosenbaum participa do movimento desde 2010. O projeto consiste em  divulgar o design da cultura dos povos, com desenvolvimento sustentável.

Marcelo Rosenbaum

Marcelo Rosenbaum, Gustavo Utrabo e Pedro Duschenes, para o inicio do desenvolvimento do projeto, elaboraram tarefas para as crianças se expressarem com “O que faz de Canuanã minha casa?” e assim apresentaram textos, desenhos, pinturas e encenações num festival criativo que evoluía a cada dia, com dinâmicas entre alunos e profissionais.

Marcelo Rosenbaum

A modulação dos dormitórios em volta do jardim, partiram das próprias crianças, com o desejo em comum. Assim os arquitetos aproveitaram para mostrar a referência de espaços públicos, como praças, pátios e ocas indígenas.

Os arquitetos ressaltaram a beleza local e as técnicas artesanais de construção. O projeto destaca a inclusão social e o resgate da cultura das construções nas aldeias, de materiais e sistemas construtivos como tijolo solo cimento e adobe.

Marcelo Rosenbaum

Os pavilhões que abrigam os dormitórios, são vedados com alvenaria de adobe produzida no local. Cada pavilhão abriga cinco dormitórios, todos voltados para o jardim. As paredes dos dormitórios voltadas para o exterior formam uma antecâmara vedada por tijolos formando cobogós, permitindo a ventilação natural.

Marcelo Rosenbaum

Além dos cobogós, como recurso de conforto ambiental, beirais de quatro metros barram a entrada do sol e facilitam a ventilação natural, ideal para o clima úmido do local.

O pé direito dos pavilhões, podem chegar a oito metros de altura, interrompido pelos dormitórios, onde sobre eles ficam as áreas coletivas interligadas por passarelas. O sistema de absorção acústica dos ruídos pela laje de concreto é composto por lã de rocha.

Marcelo Rosenbaum

Por ser tratar de uma região com chuvas abundantes, a água pluvial alimenta os espelhos d´água do térreo, que quando transbordam, a água vai para o rio.

Imagem: Leonardo Finotti

, ,

Comments

ecotone triptyque

ECOTONE: projeto da Triptyque é premiado em competição internacional de planejamento urbano

ECOTONE é o mais novo projeto da Triptyque Architecture, com parceria com a Duncan Lewis-Scape Architecture; OXO; ...

3 materiais inovadores e sustentáveis para construção de casas

Construir uma casa exige um bom projeto. Além disso, mais do que necessário, é imprescindível que este projeto ...
prisão em amsterdã prédios sustentáveis

Prisão em Amsterdã será transformada em complexo residencial sustentável

Por falta de presos, prisão em Amsterdã fecha, e será transformada em um complexo residencial sustentável, ...

Produtos Sustentáveis mais procurados

Tanque Coletor de Água de Chuva ( Cisterna Aparente )

Tanques para captação de água de chuva.

Ecofossa- sistema ecológico de tratamento de esgoto

Ecofossa é um sistema ecológico de tratamento de esgoto que maximiza ações de bactérias e não utiliza energia ...

Notícias mais acessadas

dicas para reaproveitar pallets

Dez dicas para reutilizar paletes de madeira

Afinal, o que é um pallet ou palete? Para que serve? A palavra pallet é de origem inglesa, e em português se ...
vantagens telhados verdes

Vantagens e desvantagens de um telhado verde. Veja exemplos.

Telhado verde, terraço jardim, cobertura vegetal, ecotelhado, telhado ecológico, são vários nomes para esse sistema ...